O Sul e Sudeste Paraense

São quase quatro décadas, a contar de 1970, que esta região virou palco de disputas constantes de espaços para diversos tipos de projetos: agricultura camponesa, pecuária, exploração madeireira, siderurgia, mineração, monocultura de eucalipto e construção de hidroelétricas.

Mesmo com muitas dificuldades os agricultores conseguiram transformar latifúndios em Projetos de Assentamentos, ocupando terras e pressionando os órgãos públicos para desapropriação de extensas áreas de latifundiários. São em torno de 500 projetos de assentamentos, onde vivem e trabalham quase 80.000 familias, no sul e sudeste do Pará.

A partir da década de 80, com a inauguração da ferrovia Carajás/Ponta da Madeira e da hidroelétrica de Tucuruí, inicia-se a primeira fase do projeto ferro de Carajás, pela Companhia Vale do Rio Doce, para ser preciso, em 1985.

Hoje a província mineral de Carajás, considerando as regiões do sul e sudeste do Estado, é espaço de expansão da exploração mineral, não mais apenas pela Vale, como também por outras empresas, que desenvolvem atividades de ou para extração de ferro, ouro, manganês, cobre, níquel.

A mineração, em fase de pesquisa, extração ou implantação de usinas de transformação, se faz presente nos municípios de Marabá, Curionópolis,

Parauapebas, Canaã, Xinguara, Rio Maria, Floresta do Araguaia, Santa Maria das Barreiras, Conceição do Araguaia Água Azul, Ourilândia do Norte, Tucumã e São Félix do Xingu.

O mais preocupante é que todas as atividades desenvolvidas envolvem áreas de agricultores, seja a extração mineral, a construção de usinas de transformação, estradas, barragens de contensão de rejeitos e linhas de transmissão de energia elétrica. Já falam na construção de um GASODUTO que atravessará a reserva indígena dos Gavião,  em Bom Jesus, para atender a siderúrgica a ser construída pela Vale em Marabá.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s