Funcionários de contratadas supostamente prejudicadas pela Vale prometem interditar o acesso à Flona de Carajás na segunda-feira (21)

Segundo comentários ouvidos nos canteiros de obras localizados na mina de Carajás, haverá um “paradão” na portaria da Flona de Carajás na manhã desta segunda-feira. Funcionários das empresas Odebrecht, WO, Maquipesa e Santa Bárbara, entre outras, prometem impedir que veículos e ônibus tenham acesso a Carajás. A atitude é em retaliação às inúmeras quebras de contrato entre a mineradora Vale e as empresas prestadoras de serviço em Carajás. Segundo a “rádio peão” a Vale estaria “quebrando” as empresas e, em consequência, afetando os trabalhadores que estariam com salários atrasados e receosos quanto ao recebimento das rescisões contratuais.

Na última terça-feira o MM. juiz federal do trabalho, Dr. Jônatas Andrade, através de despacho nos autos de nº 0000286-94.2011.5.08.0114, que o Sindicato dos Trabalhadores nas empresas prestadoras de serviços metalúrgicos, mecânica e material elétrico, de informática, do município de Parauapebas moveu contra a empresa Maquipesa Serviços Ltda, cobrando os salários atrasados do mês de janeiro de 2011, determinou que a mineradora Vale efetuasse, em 48 horas, o bloqueio e consequentemente o depósito em juízo de R$1,75 milhão que a empresa teria em créditos com a Vale. Concomitantemente o magistrado determinou que a empresa Maquipesa depositasse, também em juízo, o valor dos salários atrasados, bem como fornecesse a lista com os nomes do empregados.(leia mais Blog Zedudu)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s