Congonhas multa Vale e mineradoras em R$ 5 mi

O município de Congonhas (MG), que abriga as estátuas dos profetas do Velho Testamento feitas por Aleijadinho, multou a Vale, CSN, Namisa e Ferro + em R$ 5,2 milhões por irregularidades ambientais. 5 toneladas de poeira de minério por dia estavam caindo nas ruas da cidade.

O município de Congonhas, em Minas Gerais, famoso por abrigar as estátuas dos profetas do Velho Testamento feitas pelo Aleijadinho, no século XVIII, já começou a aplicar a nova legislação ambiental que o protege do impacto da poeira despejada por mineradoras que se instalaram no seu entorno. Com base em projeto de lei sancionado em 5 de julho, o prefeito Anderson Cabido (PT) multou em R$ 5,2 milhões as empresas Vale, CSN, Namisa e Ferro + responsabilizando-as pelo pó que cobriu a cidade dia 2 de agosto, decorrente de forte ventania na região. Justiça nos Trilhos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s