Vamos parar o trem?

A antiga Companhia Vale do Rio Doce é a segunda maior mineradora do mundo, abaixo apenas da australiano/neozelandesa BHP Billiton. Mas pelo critério da mineração a céu aberto, a Vale é a primeira. Não precisando cavar túneis para lavrar e dispondo do minério de ferro mais rico do planeta à flor da terra, como o de Carajás, a rentabilidade da empresa é maior. Não é por acaso que ela é a que acumula maior taxa de lucro líquido e a que mais distribui dividendos.

A Vale deixou de ser estatal em 1997, vendida na bacia das almas pelo governo Fernando Henrique Cardoso. Mas permanece em pleno vigor o decreto-lei 4.352, de 1º de junho de 1942, que a criou. Embora a alienação tenha sido promovida no bojo do Programa Nacional de Desestatização, o ato de criação da CVRD teria que ser formalmente revogado para perder os seus efeitos, por ato legislativo regular.Continue a leitura


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s